Emiliano Di Cavalcanti

Apresentação

EXPOSIÇÃO DE PINTURAS, DESENHOS E GRAVURAS DE EMILIANO DI CAVALCANTI EM FORTALEZA 27/11/89 – 30/12/89

A partir do dia 27 de novembro, com inauguração às 21 horas, a Galeria MULTIARTE (Rua Barbosa de Freitas 1727, Aldeota, telefone 224-7724) estará apresentando exposição reunindo quarenta e nove pinturas, desenhos e gravuras de autoria de Emiliano Di Cavalcanti (1897-1976). A mostra é prefaciada pelo critico de arte Jayme Mauricio, que comenta sobre o artista: “Poucas vezes o intelectual e o boêmio estiveram tão pacificamente unidos quanto em sua personalidade. Seu intelectualismo fica evidente em sua persistência na produção literária; chegou mesmo a declarar que basicamente não era um pintor, mas um intelectual que pinta. Suas telas muitas vezes sugerem panos de fundo ou cenários; e por trás desta circunstância, da qual ele devia estar agudamente consciente, pode-se perceber a atitude nitidamente intelectual de identificação da vida com o teatro — o mundo é um palco. Desde cedo Di abraçou aquela atitude; e o fato de ter sido ele, jovem ainda, um dos estimuladores centrais da famosa Semana de Arte Moderna de 1922, evidencia o lado sofisticado de sua mentalidade popular e brincalhona.” Os trabalhos expostos apresentam alguns relevantes aspectos da obra de Di Cavalcanti, especialmente seu interesse pela figura humana, incluindo elementos característicos de sua produção nas décadas de 1960 e 1970, bem como uma ampla e inédita coleção de desenhos, estudos e esboços executados provavelmente entre 1958 e 1965. Um dos mais importantes pintores do período moderno na arte brasileira, ao lado de Portinari e Pancetti, Di Cavalcanti foi responsável neste século pela aproximação entre nossa arte erudita e os temas da vida cotidiana e da cultura popular.

A EXPOSIÇÃO

A EXPOSIÇÃO

Esta é provavelmente a primeira apresentação, em Fortaleza, de uma coleção constituída por quase meia centena de obras selecionadas de Emiliano Di Cavalcanti. Á mostra reúne seis pinturas representativas de algumas dentre as inúmeras fases atravessadas pela produção do artista, duas gravuras em metal, e quarenta e um desenhos que formam um conjunto de enorme espontaneidade e vigor. Estes desenhos, especialmente, revelam aspectos essenciais da inquietação criativa de Di Cavalcanti e marcam sua principal vertente, a figura humana. É notável a possibilidade de acompanhar, através deles, a liberdade com que o artista interpretou formas de corpos femininos e masculinos, em certos momentos decompondo-as ou deformando-as, evitando sempre qualquer tipo de solução convencional. Os ângulos intimistas da obra de um artista, a pluralidade de seu olhar, a estrutura interior de sua arte, enfim, proporcionam um modo privilegiado de conhecer sua importância e perceber seus significados. E esta oportunidade é que se pretende agora oferecer ao público, dando continuidade a nosso programa de atividades, com a presente exposição de pinturas, desenhos e gravuras de Emiliano Di Cavalcanti.
Espaço expositivo

Catálogo virtual

Exposição realizada na Multiarte.