BIONÍRICA: UMA BIOGRAFIA SONHADA

Apresentação

Ana Miranda, muitas vezes, menciona que trabalha com a literatura como se fosse pintura. Sente-se “ela mesma” quando está desenhando, mais do que quando está escrevendo. Ao mesmo tempo, Ana diz que não conseguiria viver sem a experiência da compreensão do mundo pelas palavras com as quais constrói romances e que, como seus desenhos, podem surgir do sonho. Seu desenho e a escrita nasceram juntos, em cadernos feitos desde a infância. Isso os tornava semelhantes e simultâneos em sua estrutura de construção ou fabulação. Mas existiam em hemisférios separados. Desde que publicou o romance Desmundo com seu desenho na capa, essa passou a ser uma prática que une as duas linguagens. Seus desenhos são imagens oníricas que definem a parte mais profunda do romance.
São ato contínuo de criação, tendo como base de concretude a imaginação radiante. Neles, o tempo não é demarcado. As imagens surgem numa fluidez sem fronteiras de cronologia, linguagem ou matéria, em um eterno movimento de conexões inconscientes entre o agora e o depois.

UMA AUTOBIOGRAFIA DESENHADA

A escritora Ana Miranda desenvolve, desde a infância, uma intensa e secreta atividade como desenhista. São desenhos com um profundo sentido de expressão íntima, espontânea; sentimentos, percepções, sonhos, impressões, memórias. Em um rescaldo desse material, produzido ao longo de décadas, foram recuperados quase dois mil desenhos que podem ser compreendidos por meio de temas, como: Infância, Sonhos e sombras, Mulheres vegetais, Mulheres animais, Sereias e iaras, Seres alados, entre outros. Quase todos os desenhos são traçados a nanquim e lápis de cor, em um trabalho fulgurante de coloração; sempre figurativos, desconstruídos, sensuais, com forte poder de causar emoções. Quase hipnóticos, de uma fabulosa criatividade e liberdade, transmitem a sensação de que estamos penetrando um mundo ao mesmo tempo desconhecido e familiar. Feitos de símbolos intraduzíveis, inquietantes, altamente pessoais. A sensação é de que estamos vendo algo que nunca foi visto. De que estamos lendo, e não olhando; mas, lendo com o inconsciente. O livro Bionírica, uma biografia sonhada, reúne parte desses desenhos, dos mais significativos e que formam, nitidamente, a biografia de uma mulher: esta mulher e escritora com uma extraordinária experiência de vida. Mas, de maneira quase mágica, parece uma biografia de todas as mulheres, com uma penetração no mistério da feminilidade. No formato de um livro de arte, Bionírica tem os desenhos apresentados de maneira que o leitor sente estar lendo um romance, uma autobiografia, escritos em um alfabeto onírico.
A importância dessa publicação se dá não apenas por seu caráter inovador, mas também pela revelação de um universo feminino a partir de observações de uma de nossas mais sensíveis e renomadas escritoras, numa época em que se busca a valorização da voz feminina, em que a mulher se insere cada vez mais profundamente na formação de nosso imaginário, nossas mentalidades e nossos acervos artísticos.

Anna Dantes, editora e artista gráfica

DIVULGAÇÃO

OOTIMISTA

OPOVO

OPOVO

OOTIMISTA

Serviço

BIONÍRICA: UMA BIOGRAFIA SONHADA
14 a 28 de março de 2024
de segunda a sexta-feira das 10h às 19h
Rua Barbosa de Freitas 1727, Aldeota
Telefone: 85-32617724
Para agendamento de grupos: 99940-0033
[email protected]